Terça-feira, 20 de Abril de 2010

Levantou-se como todos os dias à mesma hora, desceu para tomar o pequeno almoço e saiu para o passeio matinal. Era um homem de rotinas. Gostava de passar junto ao gradeamento e deter-se a contemplar a vida daqueles seres estranhos que do outro lado deambulavam com ar atónito, iam e vinham em caminhos sem sentidos, o olhavam por vezes com olhares alheados da realidade, que gritavam sem motivo, discutiam, zangavam-se, brigavam por nada.
Todos os dias os observava um pouco, não para os entender, por saber não os entender. Eram muito estranhas as pessoas do lado de fora.



publicado por joao moreira de sá às 17:37 | link do post | comentar
|

Creative Commons License
Este Blog está licenciado sob uma Licença Creative Commons.

Micro Cuts



CONTÉM CONTO MEU (já editado Comprar: AQUI
Ocultos Buracos

Promote Your Page Too

VAI CONTER CONTO MEU (pelo Natal, mas já podem clicar na imagem)



mais sobre mim
links
cuts recentes

Vidas

(a)mar

Carne

Diário

Voo

Sol

Dias

Ali

Janela

Situação

arquivos
Twitter
Joao Moreira de Sa



subscrever feeds